Direitos de propriedade intelectual

Os direitos de propriedade intelectual são fundamentais para nossos negócios

Na Roche, transformamos avanços da ciência médica e de dados diagnósticos em tratamentos que mudam a vida dos pacientes. Com nosso modelo de inovação, a Roche apoia-se fortemente nos direitos de propriedade intelectual e de sua proteção eficiente.

As leis de propriedade intelectual protegem ativos valiosos da Roche: patentes, marcas comerciais, dados reguladores, direitos autorais, segredos comerciais, nomes de domínio e direitos relacionados. A Roche apoia iniciativas desenvolvidas para promover um ambiente legal e regulatório que proteja os direitos de propriedade intelectual. Incentivamos governos com forte proteção à Propriedade Intelectual (IP) a manter esse compromisso; e aqueles países em desenvolvimento a considerar o papel que a IP pode ter na transição para uma economia baseada em inovação que proporciona benefícios e crescimento à sociedade. Não solicitamos novas patentes nem impomos patentes existentes a países menos desenvolvidos, conforme a definição da ONU, ou em países de baixa renda, conforme a definição do Banco Mundial.

A Roche está comprometida a respeitar os direitos de propriedade intelectual de terceiros. A Roche espera que todos os seus empregados levem em consideração os direitos de propriedade intelectual de terceiros no respectivo trabalho cotidiano.

Sempre que os nossos direitos de propriedade intelectual são violados, a Roche os defende. A violação de direitos de propriedade intelectual não apenas prejudica os ativos da Roche, como, em muitos casos, é também uma ameaça à saúde e à segurança dos pacientes. Por exemplo, produtos de diagnóstico e farmacêuticos falsificados são ilegais e representam um problema de saúde pública global significativo. A Roche adota as medidas adequadas contra falsificações dentro de sua esfera de influência.

A saúde pública se beneficia do desenvolvimento de um medicamento após o período de proteção da patente. Atualmente, mais de 30 medicamentos desenvolvidos pela Roche são considerados Medicamentos Essenciais pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Quase todos eles já não estão mais protegidos por patente, e incluem antibióticos, medicamentos antimalária e quimioterápicos que salvam vidas. Esses produtos não existiriam sem um forte sistema de patentes que incentiva investimentos em inovação. Eles são um testemunho da contribuição substancial e continuada da Roche com a saúde global mesmo após a perda da exclusividade.

Todos nós devemos:
  • Proteger e resguardar os direitos de propriedade intelectual da Roche.
  • Respeitar os direitos de propriedade intelectual de terceiros e esclarecer a situação com especialistas em caso de dúvidas.
Perguntas e respostas

O que posso fazer como um empregado da Roche para resguardar os direitos de propriedade intelectual de nossas inovações?

Sempre que você tomar conhecimento de uma invenção patenteável ou qualquer outra inovação que possa ser protegida por qualquer outra forma de direitos de propriedade intelectual, você deve contatar o departamento de patentes, marcas comerciais ou jurídico para obter mais orientação. Para quaisquer publicações científicas, você precisa obter aprovação do departamento de patentes.

O que posso fazer como um empregado para proteger os direitos de propriedade intelectual da Roche?

Sempre que você tomar conhecimento de que direitos de propriedade intelectual da Roche foram infringidos por terceiros, manifeste-se e informe o departamento de patentes.

Trabalho no departamento de marketing e gostaria de copiar um artigo de uma revista científica para distribuir aos participantes de um workshop. Posso fazer isso?

Você deve lembrar que é preciso levar em conta os direitos autorais de terceiros caso a caso. Se você tiver dúvida sobre a situação de direitos autorais, busque esclarecimento no Copyright Checkpoint, na intranet da Roche.